AORP – Associação de Ourivesaria e Relojoaria de Portugal


Web Site :
Address : Avenida Rodrigues de Freitas 204 , Porto , Portugal

AORP - Associação de Ourivesaria e Relojoaria de Portugal

Com uma história de oitenta anos, a AORP – Associação de Ourivesaria e Relojoaria de Portugal, é a maior associação setorial do país e é responsável pela promoção nacional e internacional da ourivesaria portuguesa, integrada numa lógica mais vasta de afirmação global da fileira moda portuguesa, em permanente ascensão na sua cadeia de valor.

A Associação realiza importantes ações para se reinventar, permitindo alcançar uma nova etapa patente através do desenvolvimento de soluções e interatividades que permitem a junção entre inteligência manual e disciplinas tais como a criatividade, design ou a gestão da inovação.

A Ourivesaria em Portugal é possuidora de uma rica tradição e especialização manufatureira e de potencial em termos de capital simbólico e genuinidade, dentro e fora das fronteiras.

Descreve-se como um pequeno setor com fortes singularidades fruto do uso como principal matéria prima de metais preciosos.

Conta aproximadamente com 3000 unidades de produção e comerciais, com propensão para a diminuição no número de agentes.

O setor tem uma forte tradição manufatureira e concentração de efetivos e recursos na Região Norte (mais de 80% das unidades produtivas nacionais). Caracteriza-se pela fragmentação e pequena dimensão das unidades empresariais, com uma média de 2,4 trabalhadores por empresa em 2008, conforme os dados da EUROSTAT.

Ainda em 2008, a produção nacional foi avaliada em 171 milhões de euros, sendo a dimensão do mercado interno de perto de 377 milhões de euros com acentuada tendência à contração, fruto da difícil situação financeira, económica e social que o país atravessa.

Esta situação ocasiona uma diminuição muito importante no fabrico de peças em ouro, e provoca profundas oscilações no fabrico de pratas, que nesta fase de contração setorial parece sustentar a atividade, principalmente nos segmentos mais avançados, próximos do produto moda.

O setor tem-se desenvolvido motivado pela rápida assimilação para o universo da moda (maiores exigências em termos de conceção/design e marketing/comunicação, entrada de novos concorrentes do segmento moda, bijutaria, ....), o que o tem levado a sair da zona de conforto de um mercado que durante muitos anos esteve quase fechado às tendências e que precisava de pouca inovação.

Neste quadro setorial, as empresas desenvolvem a sua atividade num contexto cada vez mais competitivo, fruto da pequena dimensão do mercado português, da forte concentração geográfica das empresas na Região Norte e da concorrência cada vez maior de empresas internacionais que atuam no mercado nacional, ou nos seus mercados-alvo internacionais, e concorrem diretamente pelos mesmos mercados e nichos de mercado.

Por isso, todas as atividades desenvolvidas pela AORP pretendem impulsionar uma imagem internacional coerente da ourivesaria portuguesa nos mercados externos. A imagem da ourivesaria portuguesa, construída numa base de tradição e arte, está focada nas capacidades criativas, nos domínios do design, da moda mas também na prestação de serviços de qualidade que são geralmente pouco reconhecidos.

Assim, se afirma a ourivesaria portuguesa que tem conseguido melhorar o seu paradigma, introduzindo doses iguais de tradição e de conhecimento, o que reverte na melhoria contínua e no interesse crescente do mercado pelos produtos Made in Portugal.